Transplante capilar é permanente?

transplante capilar é permanente

A queda de cabelo e a calvície podem chegar ao fim graças ao transplante capilar, mas muitas dúvidas ainda permeiam quem pretende fazer o procedimento, e a principal delas é se o transplante capilar é permanente ou não

Ter perda de cabelo é um pesadelo para muitas pessoas, a situação interfere na estética e também na autoestima de muitos, para solucionar esse tipo de problema, a primeira indicação é procurar um médico especializado.

Se você já vivenciou isso, ou conhece alguém que passou ou está com perda de cabelo, calvície, ou algum problema capilar, acompanhe esse artigo e saiba mais sobre o transplante capilar e os seus benefícios.

Descubra se o transplante capilar é permanente e quais os seus métodos

Perder os cabelos é algo que pode acontecer tanto com homens quanto com mulheres, causando baixa autoestima, ansiedade, fobias, e muita insegurança.

Além disso, a queda de cabelo pode ser ocasionada por fatores genéticos, problemas hormonais, deficiências nutricionais, entre outros fatores que devem ser investigados sempre, com isso, o transplante capilar surgiu com tudo para mudar a vida de quem passa por esses problemas.

Mas o transplante capilar é permanente? Pois bem! O transplante consiste num procedimento cirúrgico onde cabelos de determinadas áreas do corpo do paciente são retirados e transplantados para o local receptor, e inseridos fio a fio, mantendo a raiz do cabelo preservada.

Para quem ainda tem dúvidas se o implante capilar é permanente ou não, a resposta é: não, ele não permanente. O fio transplantado é sim, um fio de longa data, ele vai ter uma longevidade muito alta porque ele não tem um receptor que é o DHT, que é o hormônio que faz o folículo cair.

Porém, a calvície é uma condição crônica e evolutiva, então se o couro cabeludo não tiver um tratamento adequado, ao longo do tempo, ele vai continuar com tendência à calvície.

Então se restam dúvidas se o transplante capilar é permanente, o ideal é que o tratamento capilar continue através da terapia capilar para que o cuidado com o couro cabeludo seja prolongado, e ele tenha uma vida longa.

No procedimento é aplicado anestesia local, onde os cabelos e os seus folículos são retirados, o transplante capilar é normalmente realizado por um dermatologista ou por um cirurgião plástico.

Cada vez mais a tecnologia é uma aliada dos resultados que proporcionam um aspecto natural, existem opções que proporcionam um procedimento mais ágil e resultados incríveis.

Há duas técnicas no transplante capilar, conhecidas como FUT e FUE. As suas diferenças estão na forma, melhor dizendo, no método de extração das unidades foliculares. Conheça um pouco de cada uma agora mesmo.

FUT

Fut, ou Follicular Unit Transplantation, ou Transplante de Unidade Folicular, é uma  técnica onde é retirada da área posterior da cabeça do paciente uma parte estreita do couro cabeludo, de onde são retirados as unidades foliculares para o transplante capilar.

FUE

Follicular Unit Extraction ou Extração de Unidades Foliculares, é a técnica onde são extraídas da área doadora as unidades foliculares, uma de cada vez.

No transplante capilar com a técnica FUE, a cabeça do paciente é raspada antes da cirurgia, para um melhor acesso às unidades foliculares.

Normalmente, na técnica FUT a cicatriz costuma ser linear e única, já na técnica FUE, as cicatrizes costumam ser pequenas, mas em maior número, porém são pontuais.

Tanto a FUT ou a FUE, são técnicas que deixam cicatrizes bem discretas em relação a outros tipos de cirurgias, além disso, são praticamente imperceptíveis. 

O transplante capilar é indicado para todas as pessoas, desde que não se tenha contraindicação, é frequentemente indicado em casos de calvície, podendo  também ser feito em casos de doenças que induzem a perda de cabelo, cicatrizes no couro cabeludo, pessoas com aversão a cortes,  etc.

Agora veja os principais benefícios do transplante capilar, e o que esse procedimento pode trazer para quem deseja ou necessita do mesmo.

Benefícios do transplante capilar

O transplante capilar não é permanente, mas possui inúmeros benefícios, conheça alguns deles:

Os resultados de um transplante capilar são extremamente positivos, e é a forma de restauração capilar mais usual entre médicos especializados no assunto.

A escolha do profissional adequado para o transplante capilar

Assim como em qualquer outra cirurgia ou procedimento médico, o transplante capilar deve ser feito com o profissional adequado, ou seja, aquele que está dentro do necessário para tal.

Existem critérios que precisam ser avaliados antes da escolha da clínica, seja para uma simples consulta, ou até mesmo uma emergência. É preciso sentir segurança antes de tomar qualquer decisão.

Antes de marcar o procedimento, pesquise sobre o médico especializado, lembre-se que o cuidado e a saúde devem caminhar lado a lado, se informe sobre a clínica, seu tratamento com os pacientes, tenha referências sobre o profissional, faça uma pesquisa ampla, e por fim escolha aquela que atende a todos os requisitos.

Por fim, uma estrutura moderna, com equipamentos atuais, mostram a capacidade de diagnosticar de forma mais precisa qualquer paciente.

Pensando no seu bem-estar, nós da FVG Cirurgia Plástica, preparamos o ambiente perfeito para você realizar seu transplante capilar de acordo com tudo o que há de mais moderno.

Somente com o tratamento correto será possível postergar o avanço da perda de cabelo e manter uma vida melhor. Agende uma consulta, visite uma de nossas unidades e converse com um especialista no assunto. Esperamos por você!

Conheça uma história real e incrível sobre transplante capilar.

Transplante capilar é permanente

Escrito por:

Dr. Lucas Rezende
CRM 48.561

Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), Dr. Lucas fez sua especialização em cirurgia plástica pelo Centro de Formação e Treinamento em Cirurgia Plástica, no Hospital Mater Dei, e especialização médica em cirurgia geral pelo Hospital Santa Rita, ambos em Belo Horizonte. A graduação em medicina foi feita na Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais.